/ Meio Ambiente

Energia solar na construção civil: como preparar sua obra?

A energia solar fotovoltaica não é vista mais como algo supérfluo e secundário no Brasil. Essa energia alternativa está ganhando força no país nos últimos anos e, de acordo com a Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (Absolar), o Brasil já ultrapassou 1 gigawatt de capacidade instalada em usinas de energia solar em operação.

Ainda segundo o estudo da Absolar, esse patamar foi alcançado em apenas 30 nações ao redor do mundo. Não há dúvidas de que esse tipo de energia começa a progredir no país — como prova disso, podemos mencionar os projetos de energia solar na construção civil. Arquitetos e engenheiros já consideram a aplicação dos painéis fotovoltaicos em grande parte de suas obras.

No entanto, vale lembrar que o imóvel não precisa estar em construção para ter a energia solar. Depois de construído, é possível também investir na instalação da energia fotovoltaica. Bem, se você tem interesse em entender melhor sobre a energia solar na construção civil e ainda tem dúvidas sobre o investimento nesse tipo de energia, continue a leitura.

Preparação da obra

Considerar a energia solar na construção civil é algo bem vantajoso, já que é possível planejar cada detalhe da instalação fotovoltaica e tornar o projeto mais otimizado. Ao projetar a obra, é preciso contar com arquitetos e engenheiros, que entendam da instalação e saibam fazer previsões para que tudo ocorra de maneira correta, garantindo o perfeito funcionamento do sistema.

No projeto da construção, serão feitas previsões sobre o melhor local para instalação das placas, aplicação das tubulações e ainda o lugar mais adequado para o inversor. Portanto, para quem ainda está construindo o imóvel e deseja instalar um sistema solar fotovoltaico, há a possibilidade de maior previsibilidade da obra.

Se o imóvel é novo ou ainda está sendo construído, é bom contar com profissionais — arquitetos e engenheiros — parceiros de empresas de energia solar fotovoltaica para garantir alguns detalhes que favoreçam o perfeito funcionamento do sistema.

O mais indicado é que o telhado seja construído voltado para o norte ou mesmo em direções mais próximas possíveis desse posicionamento. O ideal é que o telhado seja o mais reto possível e sem recortes. Além disso, é importante prever a tubulação embutida na alvenaria, para facilitar a ligação das placas até o inversor e do inversor até o quadro de distribuição.

Assim, quem planeja a instalação da energia solar na construção civil deve projetar, desde o início, uma área suficiente para a aplicação das placas fotovoltaicas, bem como um espaço de acesso para a manutenção. Caso o imóvel já esteja pronto, tudo deve ser planejado pela empresa responsável pela instalação da energia solar fotovoltaica durante a visita técnica. ​

Cuidados durante o planejamento e a execução da obra

Agora, vamos aos cuidados durante o planejamento e a execução da obra. É preciso estar atento aos seguintes pontos:
  • a instalação elétrica necessita de aterramento;
  • é preciso conferir o dimensionamento elétrico, verificar se o quadro de distribuição suporta a injeção, ou seja, a entrada de novos disjuntores, de um circuito novo;
  • é importante averiguar se o ramal de entrada de energia do imóvel está compatível com a demanda de energia;
  • é necessário observar se o terreno ou o imóvel estão próximos de edificação alta ou região montanhosa, que gere sombreamento, diminuindo, assim, a intensidade da geração de energia pelo sistema, bem como a sua eficiência;
  • é preferível que o telhado seja o mais reto possível e sem recortes, como dito. No entanto, caso não seja, não impedirá a instalação do sistema de energia solar fotovoltaico, apenas dificultando um pouco, tornando a estrutura mais complexa e elevando os custos da instalação.

​Vantagens da energia solar

Economia de energia

A maioria dos novos imóveis considera a energia solar no projeto. Se você vai construir uma casa, precisa buscar um imóvel com baixo custo, principalmente de manutenção.

Assim, considerando que a energia elétrica pesa muito no orçamento, produzir sua própria energia vai gerar uma enorme economia no seu bolso, fazendo com que sua conta fique livre das bandeiras tarifárias.

A energia será um gasto a menos, lembrando que já existem outros que pesam muito no orçamento, como água, segurança e taxa de condomínio.

Reuso da água

O reuso da água também é outra vantagem para quem investe na energia solar fotovoltaica. Existem bombas d’água específicas — corrente contínua — para o uso em sistemas fotovoltaicos, que são ligados diretamente no painel solar e realizam o reuso da água da chuva.

O reuso da água é outra forma de economizar, e essa água pode ser usada para lavar áreas externas, irrigar hortas orgânicas, entre outras finalidades.

Valorização do imóvel

O imóvel que dispõe de um sistema de energia solar fotovoltaico, certamente, será mais valorizado no mercado. Há uma nova tendência de produtos sustentáveis e, portanto, as pessoas também estão em busca de imóveis que prezam pela preservação do meio ambiente.

De acordo com a Green Building Council (GBC) Brasil, um imóvel com certificação de sustentabilidade pode valorizar em até 30%. Além disso, é importante ressaltar que o retorno sobre o investimento é alto e rápido, se considerarmos a previsibilidade de gastos com energia elétrica e a vida útil do sistema solar.

Assim, a energia solar agrega valor ao imóvel, garante economia direta para o morador e ainda é um diferencial em caso de venda.

Adesão desse tipo de energia ao longo dos anos

O sistema fotovoltaico representa cerca de 4% do valor total da obra para a construção de um imóvel. Vale destacar ainda que, além de representar uma pequena parcela do preço global da obra, o sistema de energia solar fotovoltaico é a garantia de economia de energia elétrica durante os próximos 30 anos.

Dessa forma, tem se tornado comum a previsão do sistema de energia solar fotovoltaico nos projetos arquitetônicos e de construção civil, já que o uso da energia elétrica é praticamente desprezado nesses imóveis, que adotam práticas sustentáveis.

Energia solar na construção civil: como preparar sua obra?
Compartilhar isto

Seja um assinante do Blog Pequi Ambiental